3 práticas eficientes para aumentar a produtividade da indústria

A produtividade da indústria é um índice que varia bastante entre uma empresa e outra, dependendo da gestão. A maneira como líderes administram processos e equipe, além do tipo de tecnologia utilizada na operação do dia a dia vai determinar muito de como o aproveitamento de recursos acontece na companhia.

E para ajudá-lo a entender alguns gargalos e como melhorar a produtividade da indústria, criamos este pequeno guia com os principais pontos que você precisa ter em mente. Acompanhe.

Produtividade da indústria: o que é e quanto pode melhorar?

De um modo geral, o conceito de produtividade pode ser entendido como a capacidade de fazer mais e melhor com menos recursos.

Trazendo o conceito para a prática, aumentar a produtividade da indústria significa:

melhorar resultados porque desperdício e retrabalho diminuem.

Muitos clientes da EasyOne, por exemplo, vivenciam essa experiência. A partir das nossas soluções com o SAP Business One, eles aumentam em pelo menos 16% a produtividade da empresa.

Isso significa que resultados melhoram sem que eles precisem contratar mais pessoal ou gerar mais faturamento. Acontece simplesmente porque o aproveitamento de recursos é otimizado.

O que diminui a produtividade da indústria?

Basicamente, empresas do setor industrial enfrentam os mesmos desafios no dia a dia, que podem ser drenos na produtividade do negócio se não houver uma boa gestão para enfrenta-los. De um modo geral, os principais vilões são:

  • Falta de processo;
  • Falta de alinhamento entre as áreas;
  • Desperdícios;
  • Extravios;
  • Retrabalho;
  • Erro de expedição.
apresentação, argumentando, atividade
Ficar atento aos gargalos que sugam recursos é um primeiro passo para melhorar a produtividade da indústria. (Imagem: Pexels)

3 ações que podem aumentar a produtividade da indústria

Pensando nos principais problemas que as empresas do setor industrial enfrentam, ficam mais claras as soluções. Veja.

1 – Criar processos

Quando não há um processo claro, tanto em termos de produção como em outras tratativas, o negócio fica na mão do conhecimento pontual de pessoas.

Evidentemente, contar com a competência e habilidade do time é fundamental. No entanto, atrelado ao talento individual de cada profissional deve estar um procedimento bem amarrado da própria empresa.

E na indústria, a falta de processos pode se tornar um problema ainda mais agravante, uma vez que toda a cadeia de operação e prazos se altera caso cada pessoa faça algo “do seu jeito”.

Portanto, para começar a melhorar a produtividade da sua indústria o ponto de partida é desenvolver processos que sejam a base de trabalho para cada área e para todo o time.

2 – Fazer previsões

Com processos amarrados, é mais fácil de criar métodos de previsão de demanda confiáveis.

Basicamente, essas previsões tratam-se de um amplo cruzamento de informações de histórico da empresa e dados de mercado, que aponta para uma estimativa palpável de demandas e oportunidades.

No cenário industrial, com uma solução que ajude a prever essas demandas e, consequentemente, necessidade de compra de insumos, é possível reduzir significativamente o desperdício de dinheiro com compras desnecessárias, perdas e extravios de estoque.

Além disso, esse tipo de recurso permite aproveitar oportunidades de negócio e criar estratégias, alinhando ações do setor de vendas com a capacidade de compra e produção.

Aqui, a tecnologia ajuda muito. Inclusive, a solução da EasyOne com o sistema SAP Business One permite que em poucos cliques sejam extraídas previsões precisas.

O sócio administrador da Kynsei, por exemplo, conta que graças a essa ferramenta pode se programar com eficiência.

3 – Automatizar tarefas

Por fim, a indústria ganha em produtividade quando investe na automatização.

No chão de fábrica, o trabalho pode ser dividido entre etapas manufaturadas e automáticas. Aliar a competência humana à precisão do maquinário é uma combinação que costuma dar certo e tem tudo a ver com a quarta revolução industrial, também conhecida como Indústria 4.0.

Nas áreas administrativas, também há oportunidade de otimizar as tarefas. Mais uma vez, o SAP Business One merece destaque: o ERP permite que fechamentos contábeis, fiscais e financeiros sejam realizados com 85% mais velocidade.

O diretor da GERAR, cliente da EasyOne, comenta que sua equipe consegue emitir mais de 1.300 notas em um único dia graças à solução, por exemplo.

Gostou das nossas dicas? Aproveite e converse com a EasyOne  para saber como melhorar a produtividade da sua empresa. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte − 1 =

Converse conosco

Quer um orçamento ou deseja entender como o ERP da SAP vai ajudar sua empresa?

Preencha com seus dados e nossa equipe entrará em contato.